O COSTUME COMO FONTE DO DIREITO INTERNACIONAL: RELEMBRANDO NUREMBERG

  • Adauto Suannes USP - Universidade de São Paulo

Resumo

Dizer que o Direito é, antes e acima de tudo, um fato social, surgido da evolução da civilização, será falar do óbvio, pois até mesmo o mais leigo dos mortais tem conhecimento de que a tendência dos animais sempre foi a de se imporem sobre os demais, sejam ou não da mesma manada, donde sobreviveram os mais aptos, regra a que, evidentemente, não estavam imunes os hominídeos.

Biografia do Autor

Adauto Suannes, USP - Universidade de São Paulo
Bacharel em Direito pela Universidade de São Paulo (1960). Desembargador aposentado do Tribunal de Justiça de São Paulo. Membro fundador do Instituto Brasileiro de Ciências Criminais.
Publicado
2015-08-25
Como Citar
Suannes, A. (2015). O COSTUME COMO FONTE DO DIREITO INTERNACIONAL: RELEMBRANDO NUREMBERG. Revista Da Faculdade De Direito De São Bernardo Do Campo, 11. Recuperado de https://revistas.direitosbc.br/index.php/fdsbc/article/view/343
Seção
Artigos